Manifesto

O nascimento do blogue “A Chinesa” tem como objetivo mostrar novas prespectivas do mundo e da sociedade em que vivemos vistas à luz da dialética marxista, método de pensamento revolucionário fundado por Karl Marx e Friedrich Engels, que “A Chinesa” acredita ser a única base sólida para uma reorganização da sociedade. A genialidade de Marx e Engels é mais uma vez comprovada pela falência, em todos os domínios, do sistema capitalista. Perante isto urge que toda a voz, inspirada pelos princípios fundadores do Manifesto Comunista, se levante e lute por um mundo melhor e mais justo, onde a fraternidade entre os povos e a liberdade finalmente imperem! Consciente de que a guerra de classes é inevitável “A Chinesa” prontifica-se para a batalha em todas as frentes: reais ou virtuais. “A Chinesa” é virtual, mas a luta é real.

“A Chinesa” não se deixa levar pela perigosa mentalidade burguesa que subjugou, e quase que eliminou, as aspirações populares de todos os países do mundo, tornando os povos e os trabalhadores nos escravos oficiais do grande capital. É necessário, e urgente, combater o comodismo, o conformismo e o derrotismo que se abate sobre todas as camadas da sociedade atual e afastar o fantasma de que não há alternativa para a crise do capitalismo. “A Chinesa” acredita que isso só é possível com uma classe trabalhadora bem informada e livre de preconceitos. Preconceitos obviamente burgueses; da terrível, e absurda, noção de que o sistema atual é eterno, imutável e o único possível. O que os povos e os trabalhadores têm de saber é que o capitalismo é, de fato, o único sistema que favorece os interesses dos exploradores e dos banqueiros; e que estes não vão, pacificamente, abrir mão da sua galinha dos ovos de ouro! Neste período final de agonia do capitalismo é preciso enfrentar os verdadeiros responsáveis pela crise; porque, se os que vivem unicamente da força do seu trabalho nada fizerem, correm o risco de serem esmagados pelo trabalho e pelo capital. “A Chinesa” não aceita a derrota dos trabalhadores. Pois só o trabalho poderá apresentar uma saída real para o capitalismo. Só a força libertadora do trabalho poderá construir o Socialismo!

“A Chinesa” acredita que as massas, que continuam a ser a única força transformadora do mundo (Revolução Francesa de 1789, Revolução Russa de 1917, Revolução Portuguesa de 1974, Revolução Egípcia de 2011), estão cegas à força de uma lavagem ideológica, nunca antes vista, perpetrada pelos donos do grande capital que não poupam meios nem dinheiro para controlar todos os orgãos de comunicação públicos ou privados. Da televisão à internet, nada parece escapar à fome de poder dos grandes senhores. Mas felizmente esses senhores esqueceram-se que os meios que eles utilizam para impingir, de uma forma sem precedentes, as suas verdades também servem para o povo levar os seus gritos de indignação a esses mesmos senhores. “A Chinesa” acredita que as armas do capitalismo serão a derrota do capitalismo. Perante este fato a “A Chinesa” eleva a voz da indignação e da revolta e pega nas armas que estão à mão. Este blogue é uma arma!

“A Chinesa” tem consciência das suas limitações ideológicas e estruturais mas acredita que os seus pequenos passos são firmes e verdadeiros, e podem fazer a diferença num mundo indiferente. De que maneira? A partir da recolha de notícias, vídeos, citações, músicas, textos de opinião e sugestões de leitura. “A Chinesa” irá mostrar que o sol ainda brilha neste mundo e que existem ideias para um mundo melhor.

Pela construção de uma sociedade socialista em direção ao comunismo! “A Chinesa” apela a todos os trabalhadores, amigos e camaradas de todos os povos e países que se unam e que marchem todos os dias por um mundo melhor e mais justo. Orientados pelo pensamento marxista revolucionário, construiremos um mundo onde a paz e o respeito pela vida de todos os homens e mulheres sejam reinantes.

A Chinesa
29.02.2012

Revisto a 20.01.2013

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s